Projeto ReforAmar

Fernanda ainda era criança quando olhava para o teto e pensava: “Sinto raiva da chuva”.

Ela morava com os pais e os cinco irmãos em uma casa “bem pequena, de taipa e tijolos brancos” em Natal, no Rio Grande do Norte, onde tinham sala, cozinha, dois quartos e um banheiro nos fundos do quintal – com um monte de goteiras.

Quando chovia, uma caixa de fogão transformada em guarda-roupa, a cama e o chão sempre ficavam encharcados. O “reboco antigo”, de barro, também infiltrava e o cheiro que ficava no ar – para “vergonha” da menina – foi chamado de ruim por um amigo da escola.

“O que eu pensava era que quando crescesse ia querer uma casa que não tivesse goteiras”, diz. “Era com isso que eu sonhava.”

Hoje técnica em controle ambiental, tecnóloga em construção de edifícios e prestes a se formar em Engenharia Civil, ela lembra da história para explicar por que, aos 21 anos, decidiu criar um projeto voluntário para reformar casas, sem cobrar nada.

O projeto nasceu em julho de 2018 e recebeu o nome de ReforAmar – uma “junção de reforma com amor” que idealizou influenciada pela própria história vida e com o qual pretende “mudar o que mais incomoda” a pessoas de baixa renda, asilos e, futuramente, também a abrigos de crianças. “A Fernanda criança ia querer que trocassem o telhado, para não cair mais chuva dentro de casa, mas para outras pessoas pode haver outras prioridades”, diz. E isso vai desde paredes pintadas até obras maiores.
Fonte: BBC



Siga-nos:

18 comentários em “Projeto ReforAmar

  • em
    Permalink

    Parabéns!!!
    Muito bonito e exemplar o trabalho de sua equipe, Fernanda!
    Assisti a tua reportagem no Domingo Espetacular, na tv Record.
    Realmente a reforma de uma casa é algo bem significante.
    Eu também trabalho na área profissional de pintura residencial, imobiliária e automotiva.
    Se eu morasse perto de vocês, seria um grande prazer fazer parte da sua equipe.
    Continuem assim, sempre.
    Um abraço a todos ai.

    Resposta
  • em
    Permalink

    Muito lindo fantástico vcs estão de parabéns vcs são de onde.

    Resposta
    • em
      Permalink

      Olá,
      Essa não é a Fernanda do Abundância Sempre, ainda não temos ações sociais. Também a parabenizamos pelo excelente trabalho.
      Deus abençoe.

      Resposta
  • em
    Permalink

    Que belo exemplo de cidadania e.dedicação ao próximo.
    Colocando em prática as habilidades de cada um e aprimorando conhecimento.
    Parabéns!

    Resposta
    • em
      Permalink

      Olá,
      Essa não é a Fernanda do Abundância Sempre, ainda não temos ações sociais. Também a parabenizamos pelo excelente trabalho.
      Deus abençoe.

      Resposta
  • em
    Permalink

    Sou pedreiro mestre de obras..nunca tinha parado pra pensar ,como é fácil ajudar o próximo só precisar querer…parabéns pela iniciativa

    Resposta
    • em
      Permalink

      Olá,
      Verdade. É muito fácil mesmo. Essa não é a Fernanda do Abundância Sempre, ainda não temos ações sociais. Também a parabenizamos pelo excelente trabalho.
      Deus abençoe.

      Resposta
  • em
    Permalink

    Projeto maravilhoso. Gostaria de acompanhar os trabalhos realizados. Existe alguma rede social de vcs? Parabéns jovens como vcs e raridade . Hoje a maioria so pensa em si e esta moça pensou no próximo isso e maravilhoso , realizar sonhos.

    Resposta
  • em
    Permalink

    Nossa quero ajudar como posso fazer doação so de Cuiabá MT MN

    Resposta
    • em
      Permalink

      Olá,
      Essa não é a Fernanda do Abundância Sempre, ainda não temos ações sociais. Também a parabenizamos pelo excelente trabalho. Tente entrar em contato com ela.
      Deus abençoe.

      Resposta
  • em
    Permalink

    Muito lindoooo , vocês estão de parabéns pelo projeto e saiba que a recompensa vem de deus viu

    Resposta
  • em
    Permalink

    Amei sua historia. Gostaria que na nossa cidade tivesse este tipo de projeto. Temos faculdade da construcao civil. Paisagismo. Urbanismo. Mas nao tem jovens com os mesmos sonhos que voce. Nao sou estudante de nada, mas amo obras. Gostaria muito de fazer parte de um projeto como este….

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *